Castilho pode ter Atividade Delegada e Câmera de Monitoramento

Sexta, 12 Janeiro 2018 08:57 Publicado em Andradina

O município de Castilho pode ter, já nos próximos meses, o funcionamento da Atividade Delegada, uma parceria que vem sendo costurada entre a Prefeitura Municipal, através da prefeita Fátima do Nascimento (DEM) e da Polícia Militar. A intenção é, também, instalar câmeras de monitoramento.

As conversas entre a Administração Pública municipal e a Polícia Militar do Estado de São Paulo já estão bem adiantadas e é provável que nos próximos meses o convênio entre Prefeitura e PM saia do papel e autorize a aplicação da Atividade Delegada no município de Castilho.

Segundo fontes  ligadas à Prefeita, ela considera prioridade fechar esta parceria, uma vez que, além de ser mais barato que manter uma Guarda Municipal, a Atividade Delegada garante resultados satisfatórios de segurança pública e que são incontestáveis. A reportagem apurou que a Prefeita chegou a encomendar pesquisa mostrando resultados de municípios que investiram nesse tipo de parceria.

Para as câmeras de monitoramento, a Prefeitura vem realizando um estudo financeiro a fim de verificar quais os caminhos vantajosos e o custo benefício disso. Por se tratar de um projeto que envolve tecnologia da informação, é um trabalho muito mais complexo e que deverá levar mais tempo. Porém, a intenção é implantar ainda em 2018.

A Atividade Delegada, para quem não sabe, é um convênio entre o Município e a Polícia Militar que autoriza a utilização de policiais militares de folga ou férias para realizar o trabalho de guarda do município, ou de monitoramento, quando existem equipamentos desse porte. O policial ganha um valor extra que contribui para a renda familiar, além de garantir ao município mais policiais nas ruas trabalhando pela segurança da população.

 

fonte: Fatos Regionais