Fábrica de MDF em Água Clara inicia projeto com 8 mil hectares de eucalipto

O grupo Asperbras que instalará uma fábrica de MDF em Água Clara, município localizado a 198km de Campo Grande já tem 8 mil hectares adquiridos no Estado para o plantio de eucalipto. Segundo informações da assessoria de comunicação do governo do Estado de Mato Grosso do Sul, foi assinado um termo de acordo com o grupo garantindo incentivos fiscais aos empreendedores e fomentando o desenvolvimento econômico da região.

Termo prevendo investimento da fábrica em MS foi assinado em abril deste ano (Foto: Divulgação/Governo do Estado)

“Queremos o desenvolvimento do Estado uniforme. Planejamos Mato Grosso do Sul nestes sete anos para os próximos 50 anos e vamos agora criar incentivos setorizados e diferenciados para alavancar o crescimento de todas as regiões”, afirmou o governador André Puccinelli durante assinatura do termo de intenções.

Empregos
A unidade de MDF da Asperbras começa ser montada em agosto deste ano e vai gerar 200 empregos diretos e 200 indiretos, com faturamento previsto de R$ 170 milhões/ano. Em uma segunda fase, industrializará painéis de madeiras chamados de MDP. O grupo já investe no Estado nos segmentos de pecuária e eucalipto, entre Água Clara e Naviraí, e tem unidades no Nordeste, Minas Gerais e São Paulo.

Para o prefeito de Água Clara, Silas José da Silva, a fábrica trará muitos benefícios à região. “Nós estamos muito contentes por olharem para a nossa região e assim criarem empregos e uma condição de vida melhor para a nossa população. Os empregos e a economia mudarão com a vinda da empresa”, destaca o prefeito.

Produção
A produção prevista de MDF é de 220 mil metros cúbicos ao ano para uma linha de produção. O plantio de eucalipto foi iniciado em 2013, com estimativa de cultivo de 12 mil hectares, até 2015. Até o fim deste ano, já deverão estar cultivados 7 mil hectares e para o cultivo dos 12 mil hectares estimados no total, serão necessários cerca de 17 mil hectares de área total.

fonte:CapitalNews

Compartilhe!

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário