Agentes da Penitenciária de Valparaíso com apoio do GIR apreendem quase 200 gramas de pólvora e transferem 32 presos para Venceslau

AGENTES PENITENCIÁRIOS COMBATENDO A ENTRADA DE PRODUTOS ILÍCITOS NA UNIDADE PRISIONAL  E LOGRANDO ÊXITO EM LOCALIZAR PÓLVORA

Foi realizada ontem (27/07) blitz na Unidade Prisional de Valparaíso, o corpo funcional da Penitenciária contou com apoio do GIR (Grupo de Intervenção Rápida).

A revista realizada pelos agentes penitenciários nos pavilhões da Unidade Prisional foi logrado êxito em localizar 176 gramas de pólvora em uma das celas.

O Grupo de Intervenção Rápida também apoiou a transferência de 32 sentenciados para Penitenciária de Segurança Máxima de  Presidente Venceslau.

As 176 gramas de pólvora e produtos apreendidos foram levados para a Delegacia de Polícia de Valparaíso para registro de ocorrência para investigação da Polícia Civil.

O clima é tenso na Penitenciária de Valparaíso, já tinha denúncia de tentativa de resgate de preso e agora com a  localização de pólvora o clima ficou mais tenso, no passado um agente prisional foi ferido gravemente quando uma trave com pólvora explodiu.

A Unidade Prisional de Valparaíso tem capacidade para 873 sentenciados e está super lotada com 2.027 sentenciados,  segundo informações da Secretaria da Administração Penitenciária.

Gazeta da Região Sidy Silva

Compartilhe!

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário